Area Reservada para Sócios

» Home » Notícias » Cuidados Quiropráticos e Gripe

2011-01-15

Cuidados Quiropráticos e Gripe

O sistema imunitário protege-nos de qualquer doença infecciosa e “luta” para melhorarmos quando adoecemos. O sistema imunitário, como qualquer outro sistema do nosso corpo, é coordenado e controlado pelo sistema nervoso.A interacção entre os sistemas nervoso e imunitário são bem conhecidos cientificamente portanto estes resultados não surpreendem. Através de pesquisas cientificas sabe-se que o ajustamento quiroprático aumenta o número de células do sistema imunitário (B-limgocites, immunoglobulins ) e produz efeitos benéficos no funcionamento pulmonar. Os doutores em Quiroprática também tem formação sobre a importância de um estilo de vida saudável podendo aconselhar os seus pacientes em inúmeras situações desde dieta alimentar, exercício, e controle de stresse entre outros por forma a optimizar o funcionamento do sistema nervoso e consequentemente o sistema imunitário.

O sistema imunitário protege-nos de qualquer doença infecciosa e “luta” para melhorarmos quando adoecemos. O sistema imunitário, como qualquer outro sistema do nosso corpo, é coordenado e controlado pelo sistema nervoso.

Nos anos de 1917-1918 surgiu uma epidemia da gripe que matou cerca de 20 milhões de pessoas por todo o mundo. Durante esse curto período de tempo, a Quiroprática mostrou o seu valor ao cuidar de pessoas com gripe.  Em Davenport no Estado de Iowa nos Estados Unidos da América foram tratadas 93590 pacientes com gripe pela medicina e foram registadas 6116 mortes, ou seja, um falecimento por cada 15 doentes. Os Quiropráticos da Escola Palmer de Quiroprática ajustaram 1635 pacientes com gripe sendo registada apenas uma morte. Ainda durante esta epidemia, no Estado de Oklahoma, 3490 pacientes com gripe receberam cuidados Quiropráticos sendo registadas apenas 7 mortes.

A interacção entre os sistemas nervoso e imunitário são bem conhecidos cientificamente portanto estes resultados não surpreendem.  Através de pesquisas cientificas sabe-se que o ajustamento quiroprático aumenta o número de células do sistema imunitário (B-limgocites, immunoglobulins ) e produz efeitos benéficos no funcionamento pulmonar.  

Os doutores em Quiroprática também tem formação sobre a importância de um estilo de vida saudável podendo aconselhar os seus pacientes em inúmeras situações desde dieta alimentar, exercício, e controle de stresse entre outros por forma a optimizar o funcionamento do sistema nervoso e consequentemente o sistema imunitário.

O ajustamento quiroprático corrige subluxações vertebrais que causam interferência no sistema nervoso.  Já que o sistema nervoso controla e coordena todas as funções corporais incluindo o sistema imunitário, os cuidados quiropráticos tem uma influência positiva no funcionamento imunológico.